Língua Portuguesa e Literatura para o Enem

Tag: til

Transcrição fonética – conceito, função e exemplos

A transcrição fonética consiste em um sistema de símbolos que tem como finalidade representar os sons da fala. No entanto, mais do que símbolos que transcrevem vogais e consoantes de todas as línguas, a transcrição fonética também apresenta outros fatores da pronúncia, como os acentos e a tonicidade, por exemplo. 

Além disso, ela se difere de região para região e de pessoa para pessoa, isso porque ela simboliza os diferentes sotaques que existem. Neste artigo, vamos saber mais sobre esse assunto. Acompanhe!

Sobre a transcrição fonética

Os símbolos fonéticos são determinados pelo IPA – The International Phonetic Alphabet, que, em tradução livre, significa Alfabeto Fonético Internacional. Eles estão diretamente associados com as letras do alfabeto, com algumas exceções. 

Na transcrição fonética, os símbolos são escritos entre colchetes [ ], a utilização do til indica a nasalização da vogal, e o uso do apóstrofo antes de uma sílaba faz referência a sua tonalidade. 

Por intermédio das transcrições, é possível visualizar melhor a fala, com a utilização de seus sinais gráficos próprios. Além disso, elas permitem que o professor alfabetizador reflita melhor sobre os conflitos entre a fala (pronúncia) e a escrita (ortografia). 

Continue reading

Manha x Manhã – quando utilizar cada palavra?

Tanto a palavra manha quanto a palavra manhã existem na língua portuguesa. Elas, contudo, têm significados bem distintos. Neste artigo, vamos mostrar quando utilizar cada uma. Vejamos!

Quando usar manhã?

A palavra manhã, com til, é um substantivo feminino que indica o período do dia que vai do nascer do sol até o meio-dia. Vejamos alguns exemplos de uso desse termo:

  • Mauro saiu para o trabalho logo pela manhã.
  • De manhã cedo, as ruas aqui do bairro estão vazias.
  • A manhã é meu período do dia preferido.

No sentido figurado, o vocábulo também pode indicar o princípio ou o surgimento de algo:

  • Aquela manifestação foi a manhã de uma mudança política que estava por vir.

De acordo com o dicionário Aulete, a palavra vem do latim vulgar maneana, que significa “em hora matutina ou cedo”.

Continue reading

Til – quando utilizar esse sinal?

O til (~) é um sinal diacrítico, também chamado de notação lexical, que serve para indicar a nasalização das vogais a e o

Quanto ao efeito causado pelo til no timbre e nas cavidades bucal e nasal, o til transforma uma vogal oral em nasal e um timbre aberto em fechado. Para ilustrar, tome as palavras Ana e anã como exemplo.

Apesar de ambas serem constituídas pelas mesmas letras (A e N), o último a de Ana tem o timbre aberto e é uma vogal oral, enquanto o ã de anã, por ter recebido o til, tem o timbre fechado e é uma vogal nasal.

Veja todas as formas de combinação do til com as vogais a e o:

Ã: anã, fã, cristã;

ÃE: mãe, cães, guardiães;

ÃI: cãibra, cãibro, zãibo;

ÃO: cão, fogão, razão;

ÕE: põe, compõe, soluções.

Além desse sinal, as letras m e n também podem marcar a nasalização de vogais. É o que ocorre em: andam, centro, índio, longe e untar.

Continue reading

Maça, maçã e massa – quando utilizar cada termo?

As palavras maça, maçã e massa existem na língua portuguesa, mas possuem significados distintos. Neste artigo, vamos mostrar quando e como utilizar cada termo.

Maça

Maça é um substantivo feminino que indica um bastão de metal ou madeira. Esse instrumento pode ser usado como uma arma (uma clava) ou como um elemento ornamental (veja na imagem abaixo a maça cerimonial britânica).

O imagem mostra um senhor segurando a maça cerimonial britânica.
Fonte da imagem: Site Renacença
Continue reading

© 2024 Clube do Português

Theme by Anders NorenUp ↑

#CodigoClever