As palavras “senso” e “censo” existem na Língua Portuguesa e estão corretas. No entanto, possuem significados diferentes. Neste artigo, você confere quano e como utilizar cada uma. Acompanhe!

Censo e senso: quando usar cada uma?

Quando usar “senso”? 

O termo “senso” é um substantivo masculino que e deve ser usado para fazer referência a sensatez e prudência de alguém. Ele também pode ser utilizado para demonstrar a capacidade de entender ou julgar alguma coisa. Além disso, a palavra pode indicar a ideia de orientação e direção.

A seguir, confira os exemplos!

Exemplos com “senso” 

  • Amo o seu senso de humor.
  • Para comentar esse tipo de assunto, é necessário ter bom senso.
  • Eu me perdi na cidade, pois não tenho senso de direção. 

Quando usar “censo”? 

O termo “censo” é um substantivo masculino que indica um recenseamento de uma determinada população, ou seja, o levantamento de informações de um conjunto de pessoas. Isso significa que ele deve ser usado ao expor dados estatísticos por intermédio de entrevistas com habitantes de uma região, por exemplo. 

No Brasil, o Censo é realizado pelo IBGE – Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Com ele, é possível conhecer melhor as características da população brasileira por meio de um perfil de evolução comparado a cada 10 anos. 

Assim, a palavra “censo” é sinônimo de censo demográfico ou recenseamento demográfico. Acompanhe os exemplos, abaixo!

Exemplos com “censo” 

  • No último censo realizado, algumas irregularidades foram destacadas.
  • Com base no censo, verificamos que a idade média da população brasileira aumentou.
  • O censo de 2010 revelou uma melhora na qualidade de vida da população brasileira. 

“Senso” x “Censo” : homônimos homófonos

Como dito no início deste artigo, as palavras “senso” e “censo” são homônimas homófonas, isto é, possuem pronúncias idênticas, porém com escrita e definição diferentes. Na Língua Portuguesa, existem outras palavras homófonas, como:

  • acento e assento;
  • asso e aço;
  • concelho e conselho;
  • cinto e sinto;
  • lasso e laço;
  • tacha e tassa;
  • dentre outras. 

*

Quer aprofundar seus conhecimentos na língua portuguesa? Então, continue seus estudos com a Gramática On-line do Clube do Português.